Sim! É possível tratar o suor excessivo com toxina botulínica



Imagine que às 7h da manhã você sai de casa linda, maquiada e arrumada, com a roupa que mais ama, e em menos de 30 minutos na rua já está toda ensopada, com o look marcado de suor e totalmente desconfortável.


Infelizmente esse cenário nem é tão raro assim, né?


E apesar de ter começado esse artigo falando mais sobre os efeitos estéticos, o excesso de suor (hiperidrose) vai além e também impacta na qualidade de vida como um todo. A boa notícia é que isso tem tratamento e uma das opções, inclusive, é bem conhecida: toxina botulínica, ou o famoso botox.


O QUE É HIPERIDROSE?


De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), a hiperidrose é uma condição que provoca suor excessivo, ou seja, o corpo produz uma quantidade de suor acima do que é necessário para manter a sua temperatura adequada, inclusive em repouso.


Em geral, a hiperidrose acontece por uma hiperfuncionalidade das glândulas sudoríparas, ou seja, elas trabalham demais (curioso, né?), podendo atingir diversas regiões, como as palmas das mãos, planta dos pés, virilha e axilas. Apesar de não ter uma causa evidente, esse problema normalmente está associado a fatores emocionais e hereditários.


E assim como eu mencionei no início, a SBD reforça que essa sudorese descompensada pode ser embaraçosa, desconfortável e até incapacitante. Dei o exemplo de um incômodo com a roupa em um dia comum, mas dá pra considerar até um prejuízo nos relacionamentos, trabalho e bem-estar emocional.


Se você percebe uma anormalidade no dia a dia, procure uma dermatologista.


COMO O BOTOX AJUDA QUEM TEM SUOR EXCESSIVO?


A toxina botulínica, mais conhecida como botox, é a queridinha de boa parte dos pacientes quando se trata dos cuidados com a estética. O que nem todo mundo sabe é que a sua aplicação vai além disso.


O “botox” é uma proteína produzida pela bactéria Clostridium botulinum, sendo muito efetiva para relaxar a musculatura, reduzir as contrações que formam as rugas e, no caso da hiperidrose, bloqueia os estímulos das glândulas sudoríparas.


“Mas doutora, funciona?”


SIM! Um estudo português acompanhou durante 12 meses algumas pacientes submetidas a esse tratamento. Após diversas análises, os pesquisadores observaram que o resultado foi alcançado a partir do terceiro dia, os sintomas foram reduzidos em 50% na primeira semana e o quadro geral de hiperidrose foi controlado em 94%.


Como conclusão, esse estudo atesta a aplicação de botox para tratar suor excessivo como sendo eficaz, segura, pouco invasiva e com alto grau de satisfação. Os pacientes, em geral, podem retomar suas atividades cotidianas no mesmo dia.


Interessante, não acha? Caso queira saber mais sobre esse problema, o tratamento e as aplicações do botox, podemos agendar um horário no meu consultório. Estou à disposição! Você pode entrar em contato pelo telefone (34) 3217-8394 ou WhatsApp (34) 99317-8394.


Dra. Monique Naves

CRM MG 57040 RQE 45099


8 visualizações0 comentário