Tratamento de Pelo Encravado a Laser



É só as temperaturas subirem um pouco que já queremos logo colocar a pele para jogo! Pois é, mas junto com os dias mais quentes e as roupas mais frescas, vem também a preocupação com a depilação. Afinal, culturalmente, uma pele “lisinha” é o nosso ideal de beleza, principalmente no verão.


Para quem realmente gosta de estar sempre preparado para mostrar as pernas, colocar um biquíni, ou só de estar com a pele lisinha existem diferentes tipos de tratamentos para depilação definitiva.


Mas, melhor do que não precisar recorrer a um método de depilação como a lâmina toda vez que decide usar um biquíni ou shorts, é saber que o tratamento com laser e luz pulsada podem ajudar a acabar com outro grande inconveniente: os pelos encravados e as manchinhas que o processo inflamatório acaba deixando.


DEPILAÇÃO DEFINITIVA

É importante ressaltar que o termo Depilação Definitiva não é apropriado, porque pressupõe que uma vez tratado nunca mais existirá qualquer pelo.

Isso não é verdade! Em geral os resultados conquistados são satisfatórios, no entanto, é preciso que haja manutenção do tratamento, ou seja, ainda que os pelos sejam reduzidos drasticamente, ainda haverá realização de sessões mais espaçadas conforme a necessidade de cada cliente.

A eficiência do resultado depende de fatores como: fase do ciclo piloso que é uma característica de cada pessoa, espessura, cor e profundidade do pelo, a região a ser tratada, estado hormonal e número de sessões realizadas. Isso porque quanto mais grosso e escuro for o pelo mais fácil será a eliminação do mesmo, uma vez que a luz é absorvida pela cor, ou seja, pelo pigmento do pelo. Assim sendo, os tratamentos com luz funcionam de modo que a luz emitida identifica a cor e age sobre ela destruindo parte de suas células.

Para garantir qualidade nos resultados das pacientes eu costumo usar no consultório a plataforma Etherea, que permite fazer tanto o tratamento a laser quanto o de luz pulsada. Conheça mais sobre esses procedimentos e entenda as principais diferenças:


LASER E LUZ PULSADA: QUAL A DIFERENÇA?

A diferença-chave entre o laser e a luz pulsada é o tipo de luz. A IPL (Luz pulsada intensa) é uma fonte de luz pulsada de banda larga, enquanto o laser é uma fonte de luz coerente monocromática. Ambos os métodos se focalizam na melanina existente no folículo piloso e pode esperar resultados permanentes de ambos.

DEPILAÇÃO A LASER

Laser: a depilação a laser enfraquece o folículo do pelo até o destruir por completo. Para obter resultados satisfatórios são necessárias algumas sessões até que essa destruição aconteça, o que varia de acordo com a pele da pessoa, a cor do fio e o tipo de laser. De uma forma geral, quem tem pele clara e pelos mais escuros apresenta resultados mais rápidos. No entanto, com a tecnologia e equipamento certo qualquer pessoa pode se beneficiar do tratamento com laser para remoção de pelos e consequente prevenção de pelos encravados (foliculite).  


Luz pulsada: a luz pulsada, ou fotodepilação, também é considerada um método definitivo de acabar com os pelos. Um pouco mais acessível que o laser, ela precisa de mais sessões para realmente cumprir o seu dever, no entanto, costuma ser menos dolorosa e por isso pode ser uma boa opção para pessoas com peles mais sensíveis. Vale dizer que o resultado da depilação com Luz Intensa Pulsada  dura de seis meses a um ano e cerca de 80% dos pelos desaparecem para sempre. O resultado satisfatório é obtido com a manutenção do tratamento, ou seja, ainda que boa parte dos pelos desapareçam serão necessária sessões mais espaçadas de acordo com os resultados prévios.

Ficou com alguma dúvida sobre depilação definitiva? Entre em contato comigo!

13 visualizações0 comentário